Tibério Dinis, Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, nesta entrevista, passa em revista os primeiros seis meses de 2021.

O Autarca começa por dizer que no essencial, está neste momento, no ponto programado excepção feita a algumas obras de maior envergadura.

Para poder concretizar os objectivos a que se tinha proposto foi necessário o caminho percorrido no sentido de garantir o saneamento económico financeiro da Autarquia.

Um percurso que, diz, foi feito com naturalidade.

Uma Economia saudável é meio caminho andado para evitar os problemas sociais. Noque diz respeito à Praia da Vitória, o Presidente da Câmara diz que, apesar da pandemia, vivem-se momentos muito diferentes daqueles que se fizeram sentido em 2012, 2013, 2014. Isto porque o paradigma da Economia também mudou. Deixou de estar na dependência da Base e passou a assentar em dois pilares que estão de boa saúde: a Agricultura e a Cosntrução Civil.

Quanto ao projecto do Terceira Tech Island, Tibério Dinis, diz que a auutarquia, neste processo, tem-se mantido em silêncio. Afirma que ouve um conjunto de pessoas a falarem do assunto sem que apresentem quaisquer soluções práticas. Por isso a Autarquia tem assumido, por sua conta e risco, os compromissos assumidos para com as empresas que se instalaram na Praia ao abrigo do programa. E diz mais, que se a Câmara suspender esses apoios, muitas dessas empresas ir-se-ão embora o que é preciso, com firmeza, evitar.

A Praia Links para além da sua função de incubadora de novos negócios tem vindo a desenvoilver um trabalho pedagógico nas escolas do concelho sensibilizando os mais novos para o empreendedorismo.

Apesar disso, o autarca não deixa de colocar em evidência as consequências da pandemia que vivemos junto precisamente dos mais novos que se sentem insegurança e, por isso, pouco motivados para empreender novos negócios

A Câmara Municipal da Praia da Vitória, através da Praia Ambiente, tem vindo a desenvolver um conjunto de acções viradas para diferentes públicos e usando diferentes meios no sentido de uma sensibilização para a questões do Ambiente e sua preservação.

Tibério Dinis que salvaguardar o Ambiente é salvaguardar a qualidade de vida que todos desejam.

A Praia da Vitória está dotada, um pouco por todo o concelho, de boas estruturas para o desenvolvimento de actividades artísticas e culturais. Apesar disso Tibério Dinis não está satisfeito com o que, neste domínio, tem vindo a acontecer, privando as pessoas das suas matrizes ciulturais mais enraizadas, como o Carnaval, as Sanjoaninas e as Festas da Praia, as marchas, as touradas à corda, os festejos do Espírito Santo. A pandemia tem condicionado e privado os Terceirenses dessas manifestações. Do lado da Câmara Municipal, apenas se pode esperar que a crise pandémica seja ultrapassada para que, logo na primeira oportunidade, tudo isso possa voltar a fazer parte das nossas vidas.

A Praia da Vitória sempre teve um númerp expressivo de situações relacionadas com a Habitação que, ao longo dos anos, se foram transformando em autênticos novelos jurídicos. Apesar de muitas dessas situações se encontrarem já resolvidas o processo ainda não chegou ao fim.

Tibério dinis diz que há ainda um caminho a percorrer para se conseguir solucionar um conjunto de questões de natureza muito complexas.

O Aproveitamento do Porto Oceânico da Praia da Vitória arrasta-se há 40 anos sem que tenham, ao longo desse tempo, sido encontradas soluções para o mesmo nem com as mudanças de ciclo político na governação regional e não está à vista nenhum propósito que se veja para que a ilha Terceira tire o devido partido para a sua Economia daquela estrutura.

Para Tibério Dinis esta é uma questão que não se esgota nas vontades políticas e envolve um jogo de interesses à cabeça dos quais estão os dos próprio players no negócio de transporte de mercadorias.

Para o autarca esta talvez seja a questão que envolve o mais longo debate da história da Autonomia Regional e que só poderá resolver-se havendo uma vontade política forte que consiga consensos e não "unanimismo".

A Terminar esta entrevista que pretendeu fazer o balanço da gestão autárquica na Praia da Vitória ao longo do primeiro semestre de 2021, Tibério Dinis deixou ficar uma visão pessoal de como imagina o seu concelho e a sua cidade daqui a 30, 40 anos.

PUB

 

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Startups

Economia

Notícias Regionais

Outras Notícias

Saúde

Sociedade

Mundo

Tecnologia

Cultura

Desporto

Podcast