O Presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, após a reunião da Associação de Municípios, que decorreu, esta semana, houve uma manifestação de total desconhecimento por parte da autarcas regionais de como, e quais serão as regras, da repartição do envelope financeiro atribuído aos Açores no âmbito do programa 2030. O autarca de Angra adianta ainda que é urgente que o processo se torne mais célere porquanto já se “perdeu” o ano de 2021.

PUB

Pin It