A iniciativa resulta da colaboração entre o Governo português, o Gaia-X e o TICE.PT, e vai agregar o ecossistema de empresas nacionais que desenvolvem atividade na área dos dados e da cloud.

Foi apresentado ontem, em Aveiro, o hub português do Gaia-X, um projeto europeu que tem como missão criar uma infraestrutura europeia de dados, baseada em valores europeus e apoiada pela Comissão Europeia, estabelecendo, assim, uma base transeuropeia para uma utilização de dados segura, aberta e soberana.

Em Portugal o Gaia-X tem o apoio da Secretaria de Estado para a Transição Digital, ficando a cargo do TICE.PT a dinamização e operacionalização do hub nacional. Ou seja, caberá ao TICE.PT (Pólo das Tecnologias de Informação, Comunicação e Electrónica) dar suporte no desenvolvimento de use cases e, no âmbito dos princípios orientadores e standards do Gaia-X, garantir apoio aos stakeholders locais, contribuindo para escalar a rede europeia.

Manuel Ramalho Eanes, presidente do TICE.PT, frisou que “a criação do hub português do Gaia-X vai permitir às empresas nacionais acederem a uma plataforma de inovação única, fomentando a sua competitividade e a prosperidade europeia. É uma oportunidade para as empresas nacionais, com atividade na área dos dados e da cloud, ajudarem a construir o futuro dos dados no continente europeu e posicionarem-se como líderes na transformação digital”.

PUB

CONTINUAR A LER

Refira-se que este hub, que está alicerçado numa forte cooperação institucional, procura aliar-se a empresas e organizações nacionais dos mais diversos setores, interessadas em integrar o ecossistema europeu de dados.

Os vários hubs europeus Gaia-X trabalham em rede no âmbito da Comunidade Gaia-X, tendo como missão agregar o maior número de empresas e impulsionar a posição de liderança da União Europeia na economia dos dados e da cloud.

André de Aragão Azevedo, Secretário de Estado para a Transição Digital, explicou que “o projeto Gaia-X vem responder a alguns dos desafios da EU, no seu caminho de transição para um modelo de economia e sociedade mais digitais, corporizando e materializando os princípios orientadores do nosso Plano de Ação para a Transição Digital de Portugal”. Congratulou-se com a adesão de Portugal ao projeto que “se torna assim um dos países fundadores de um Projeto estruturante para o futuro da Europa”.

Pin It