presidente do Governo dos Açores, José Manuel Bolieiro, anunciou na sexta-feira, em São Jorge, que será implementado um ‘voucher’ de 35 euros a quem visite e durma na ilha de São Jorge no verão, uma medida para potenciar a economia local, a braços, desde há semanas, com uma crise sismovulcânica.


“O posto de turismo estará preparado para entregar o ‘voucher’ para os visitantes usarem na sua deslocação, em qualquer despesa. Quem se desloque a São Jorge, com pernoita, terá este voucher de 35 euros. Sem burocracia. Parece-nos um estímulo justo e adequado. Podem os empresários e os jorgenses contar com o Governo Regional”, declarou o governante.


José Manuel Bolieiro participou na reunião com as autoridades relativa à crise sismovulcânica, enaltecendo o trabalho de todos no terreno e deixando uma palavra de tranquilidade a todos os jorgenses e potenciais visitantes da ilha.


Em declarações à margem da reunião, o Chefe do Governo deixou uma sentida palavra de “gratidão pelo brio e profissionalismo demonstrado nestas últimas semanas” pelas forças no terreno, que têm mantido o Governo Regional informado, de forma “detalhada e cada vez mais pormenorizada”, e assim garantindo “total segurança e alerta”.


O principal objetivo, segundo José Manuel Bolieiro, é apelar à “tranquilidade e normalidade da vida”.


“Fizemo-lo sempre desde o primeiro instante”, reforçou.


O Presidente do Governo referiu, na ocasião, que muitos jorgenses regressam agora à sua ilha porque “percebem, na sua própria avaliação, o bom trabalho desenvolvido em termos da capacidade instalada”, e assim a oportunidade de viverem com normalidade a sua vida nas Velas e em São Jorge no geral.


“Quem quer visitar São Jorge, deve fazê-lo”, mas isto não retira a “responsabilidade de estar alerta e vigilante”, sublinhou José Manuel Bolieiro.


O Presidente do Governo deixou ainda uma nota de gratidão igualmente à “comunicação social regional, nacional e internacional”, que tem mantido um acompanhamento realista, responsável e sem provocar alarmismos, alertando ainda a população sobre a situação.

Pin It

SOTERMAQUINAS