A Diretora Regional da Energia afirmou que os Açores são uma das regiões do país com maior número de pontos de carregamento rápido de acesso público instalados por habitante, com mais de seis infraestruturas por 100 mil habitantes, um valor mais elevado em comparação com outras regiões do país, reflexo da forte aposta do Governo dos Açores na mobilidade elétrica, “uma das medidas prioritárias e mais marcantes desta legislatura, na área da energia”.

Andreia Carreiro exemplificou que, no caso da Madeira, existem cerca de três pontos de carregamento rápido por cada 100 mil habitantes e, no caso de Portugal continental, aproximadamente um para o mesmo número de pessoas.

A Diretora Regional, que falava na sessão online dos Encontros com a Eficiência Energética, transmitida em direto no Facebook do Portal da Energia Açores, adiantou que, desde quinta-feira, a rede de infraestruturas de carregamento de veículos elétricos de acesso público promovidas pelo Governo dos Açores conta com 26 localizações instaladas.

Conforme referiu, nalguns casos, estão a decorrer os testes de comissionamento necessários para que as infraestruturas de carregamento fiquem todas disponíveis, o que acontecerá “muito em breve”.

“Esta rede salvaguarda a cobertura integral e equilibrada de todas as ilhas e concelhos”, frisou a Andreia Carreiro, reforçando que “satisfaz as necessidades dos Açorianos, permitindo que possam carregar os seus veículos em situações de necessidade pontual”.

“A mobilidade elétrica faz todo o sentido a nível global, por ser uma medida eficaz de eficiência energética, associada ao setor dos transportes terrestres”, afirmou, considerando que “tem particular relevância nos Açores porque as ilhas do arquipélago reúnem as caraterísticas ideais para a sua implementação, considerando os pequenos percursos médios diários e a crescente autonomia dos veículos elétricos”.

Neste sentido, salientou que a mobilidade elétrica contribui para o “desenvolvimento descarbonizado dos Açores, com respeito pelo meio ambiente, reforçando, por esta via, o posicionamento da Região enquanto destino sustentável e produto de natureza”.

Na sessão dos Encontros com a Eficiência Energética dedicada à mobilidade elétrica, para além do panorama geral da mobilidade elétrica nos Açores, a Diretora Regional apresentou os projetos que a Região está a promover nesta área, considerando que esta é uma “aposta no futuro, assente no desenvolvimento de tecnologias e práticas emergentes, que contribuem, por um lado, para um sistema elétrico robusto e descarbonizado e, por outro, para o posicionamento dos Açores enquanto um verdadeiro ‘living lab’ de soluções disruptivas num contexto dos espaços insulares”.

Pin It

Angra do Heroísmo