A comissão organizadora da Semana do Mar decidiu hoje cancelar a edição deste ano dos maiores festejos da ilha do Faial, por causa da pandemia de covid-19.

O presidente da Comissão e da Câmara Municipal da Horta, José Leonardo Silva, disse à agência Lusa que não estão reunidas as condições para a realização da edição deste ano de uma das mais antigas festas de verão dos Açores.

"Por unanimidade, foi decidido cancelar a Semana do Mar, porque, de facto, não há condições sanitárias para a conseguir realizar", explicou o autarca socialista, recordando que o surto provocado pela covid-19 desaconselha a que haja grandes aglomerados de pessoas, mesmo que ao ar livre.

Mickael Carreira, Expensive Soul, Piruka, Kátia Guerreiro, Áurea e Marisa Liz eram os principais nomes da edição n.º 46 da Semana do Mar, que decorre todos os na primeira semana de agosto, na cidade da Horta.

"Este cancelamento terá um grande impacto económico na ilha do Faial, porque a Semana do Mar, além da promoção que fazia da nossa terra, tinha também um impacto económico e social de grande relevância", destacou José Leonardo.

O autarca adiantou ainda quer as verbas reservadas para a realização da festa, que não quantificou, serão canalizadas para o fundo de dinamização empresarial e para o fundo de emergências social, criados pelo município, para ajudar a minimizar o impacto do novo coronavírus no concelho.

A Semana do Mar, que se realiza em agosto, teve início em 1975 e é a mais antiga festa de verão dos Açores.

Até ao momento, já foram detetados na região um total de 145 casos pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, que causa a doença covid-19, verificando-se 89 recuperados, 15 óbitos e 41 casos positivos ativos.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 280 mil mortos e infetou mais de quatro milhões de pessoas em 195 países e territórios.

Pin It

Angra do Heroísmo