A Secretária Regional da Solidariedade Social afirmou hoje, na Assembleia Legislativa, que o Governo dos Açores está atento às necessidades das microempresas e disponível para reforçar e complementar as medidas de apoio aos sócios-gerentes das empresas com menos de 10 trabalhadores.

Andreia Cardoso, que falava por videoconferência, disse que, para além da isenção temporária do pagamento de contribuições à Segurança Social, “é fundamental assegurar apoio social aos sócios-gerentes dessas empresas, que são em grande número na Região e têm um papel muito importante na nossa economia”.

Nesse sentido, a responsável pela pasta da Solidariedade Social congratulou-se pelo anúncio feito esta manhã pelo Primeiro-Ministro, de alargamento das medidas adotadas a nível nacional, passando a incluir apoios específicos para os membros de órgãos estatutários de microempresas.

No caso das microempresas sem trabalhadores a cargo, já deram entrada no Instituto da Segurança Social dos Açores (ISSA) 116 requerimentos com vista à atribuição do apoio por via da redução da atividade.

“A Região adotou ainda um conjunto de medidas complementares de apoio aos empresários em nome individual, de antecipação de liquidez referente ao mês de abril, que já foi pago, e ainda do programa de manutenção do emprego, que, nestes casos, também abrangem os sócios-gerentes das referidas microempresas”, salientou Andreia Cardoso.

 

Pin It

Angra do Heroísmo