A depressão LOLA ESTÁ afectar os grupos Ocidental e Central dos Açores, mas "o período mais crítico” é esperado na quinta-feira, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Num comunicado, a delegação dos Açores do IPMA adianta que a depressão deverá encontrar-se, na madrugada de quinta-feira, "centrada a cerca de 300 quilómetros a norte/nordeste do Corvo", prevendo-se "um aumento significativo da intensidade do vento, com rajadas entre 120 a 130 quilómetros por hora nos grupos Ocidental (Flores e Corvo) e Central (Terceira, Pico, São Jorge, Graciosa e Faial) e até 100 quilómetros por hora no grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria).

"Os efeitos irão fazer-se sentir nos Grupos Ocidental e Central a partir da tarde de hoje sendo o período mais crítico na quinta-feira", explica a meteorologista Elsa Vieira no comunicado.

Segundo a nota, está prevista precipitação, por vezes forte, e também um aumento da agitação marítima com ondas de seis a sete metros de altura significativa nas nove ilhas açorianas.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou hoje o aviso meteorológico para laranja para os grupos ocidental e central dos Açores, devido às previsões de vento com rajadas que podem atingir os 130 quilómetros por hora.

O IPMA já tinha emitido aviso amarelo para as ilhas dos grupos Ocidental, Central e Oriental devido às previsões de chuva, que poderá ser forte, acompanhada de trovoada, na quinta-feira.

Hoje, o IPMA colocou o grupo Ocidental sob aviso laranja, a partir da próxima madrugada e até às 12:00 locais (13:00 em Lisboa) de quinta-feira, tendo em conta as previsões de vento com rajadas até 120 quilómetros por hora.

Para o grupo Central estão previstas rajadas de vento até 130 quilómetros por hora, entre a madrugada de quinta-feira e as 00:00 locais (01:00 em Lisboa) de sexta-feira, período em que vai vigorar o aviso laranja.

As nove ilhas açorianas estão também sob avisos amarelos por causa das previsões de chuva, por vezes forte, podendo ser acompanhada de trovoada e agitação marítima com ondas de seis a sete metros.

O aviso laranja indica situação meteorológica de risco moderado a elevado e o amarelo é emitido pelo IPMA sempre que existe risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Pin It