SAIBA MAIS                                                                                                                                                             

Os países da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC) decidiram o envio imediato de uma equipa técnica a Moçambique, como parte da preparação da resposta à insurgência em Cabo Delgado.

Moçambique confirmou que esta equipa vai chegar no dia 15 deste mês para fazer o levantamento das necessidades da intervenção da SADC.

 

“Os ataques hediondos não podem continuar sem uma resposta regional proporcional”, lê-se num comunicado de líderes da SADC, divulgado após a dupla troika em Maputo.

Além de condenar os ataques e reafirmar “o compromisso contínuo da SADC em contribuir para os esforços para trazer a paz e segurança duradouras”, os líderes expressaram “total solidariedade” com os moçambicanos.

 

A dupla troika da SADC decidiu igualmente a realização de duas reuniões extraordinárias sobre o assunto, no final do mês.

Presentes no encontro, além do anfitrião Filipe Nyusi, os Presidentes da África do Sul, Cyril Ramaphosa; do Zimbabwe, Emmerson Dambudzo Mnangagwa; do Botswana, Dr. Mokgweetsi Eric Keabetswe Masisi; e do Malawi, Dr. Lazarus McCarthy Chakwera.

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Startups

Economia

Notícias Regionais

Outras Notícias

Saúde

Sociedade

Mundo

Tecnologia

Cultura

Motores

Desporto