Se está infetado com Covid-19 e é dono de um animal de estimação, pode estar a questionar-se se pode passar o vírus para o seu amado companheiro.

Vários cães e gatos já foram infetados com Covid-19 pelos seus donos - embora tal seja bastante raro, reporta o jornal britânico The Sun.

Ainda assim, um estudo de 2021 sugeriu que a Covid é comum em gatos e cães cujos donos têm a doença.

Desde o início da pandemia, tem havido vários relatos de animais de estimação que testaram positivo para o novo coronavírus após estarem em contacto próximo com seres humanos infetados.

Leia Também: Vírus comum em humanos e animais de estimação prevê gravidade da Covid-19

A Organização Mundial da Saúde Animal afirmou: "agora que as infeções pelo vírus da Covid-19 estão amplamente disseminadas pela população humana, há a possibilidade de alguns animais serem infetados por contacto próximo com pessoas infetadas".

Entretanto, no Reino Unido, as linhas oficiais do governo afirmam "há evidências limitadas de que alguns animais, incluindo animais de estimação, podem ser infetados com Covid-19".

Todavia, de acordo com as diretrizes gerais de várias organizações de saúde pública, proprietários de animais de estimação que manifestam sintomas devem restringir o contacto com animais de estimação e lavar as mãos antes e depois de interagir com o animal.

Mais ainda, investigadores na China descobriram que os gatos podem ser infetados com o coronavírus SARS-CoV-2, que causa a Covid-19, e podem transmiti-lo para outros gatos através de gotículas respiratórias.

Um outro estudo também apurou que os animais de estimação que dormem na cama de donos infetados estão mais propensos a contrair o vírus.

PUB

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Startups

Economia

Notícias Regionais

Outras Notícias

Saúde

Sociedade

Mundo

Tecnologia