Billie Eilish pode ter dado o mote na noite de entrega dos Grammy quando apareceu de Gucci dos pés à cabeça - máscara incluída. Na noite dos Óscares - no domingo - o acessório do nosso confinamento foi banido, mas uma pessoa fez questão de o usar durante toda a cerimónia: Zendaya.

A combinar com o vestido amarelo Valentino. Estas, porém, são tão exclusivas com os modelos que acompanham.

Em poucos meses, as marcas de luxo lançaram no mercado as suas interpretações deste acessório que os asiáticos já tinham no armário e os ocidentais descobriram com a pandemia de covid-19. Eis alguns dos melhores exemplos, disponíveis nas lojas on-line das marcas ou na plataforma Farfetch, do português José Neves.

A marca do famoso padrão quadriculado foi das primeiras a lançar-se no design deste acessório. Em sete cores, do xadrez amarelo clássico ao castanho mais novo, passando pelo azul, e em versões lisas (caqui, rosa, azul pálido). Só pode ser adquirida através da loja oficial da marca (99 euros).

A marca criada por Virgil Abloh, atual diretor criativo da Louis Vuitton, lançou uma coleção de máscaras de algodão que tem sido muito procurada (80 euros).

A marca criada por Virgil Abloh, atual diretor criativo da Louis Vuitton, lançou uma coleção de máscaras de algodão que tem sido muito procurada (80 euros).

O inconfundível padrão Balmain, um dos preferidos por Georgina Rodríguez, foi transposto para a máscara. Custa 195 euros.

Para quem gosta de padrões, a marca italiana Pucci criou uma série de 15 com padrões florais (75 euros). Os modelos são clássicos, de pregas.

Os franceses usam para estas máscaras o mesmo critério que os alfaiates para as camisas - as cores devem ser sóbrias. Existem no site da marca em preto, azul marinho, branco e azul oxford. Quem gosta de arriscar também tem três versões estampadas. O que as distingue das demais? O mesmo crocodilo que tornou os polos famosos. E o preço (15 euros).

A base é dourada e idêntica a quase todas as máscaras. É o colar de cristais que lhe dá o ar luxuoso e digno de um conto das mil e uma noites (415 euros).

Este é um dos padrões que a Marni lançou nas suas máscaras de algodão. Custa 75 euros e está à venda na plataforma Farfetch.

 

 

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Startups

Economia

Notícias Regionais

Outras Notícias

Saúde

Sociedade

Mundo

Tecnologia

Cultura

Motores

Desporto