Responsável alemão otimista em dar uma "prenda de Natal" aos europeus.

A norte-americana Pfizer e a alemã BioNTech anunciaram a 18 de novembro o fim dos ensaios clínicos da sua vacina com uma eficácia de 95% na prevenção da Covid-19.

O presidente-executivo da empresa alemã de biotecnologia, Ugur Sahin, prevê que as primeiras inoculações na Europa possam ser feitas antes do Natal.

No resto do mundo, sobretudos nos EUA que dependem da aprovação da FDA, será administrada um pouco mais tarde.

 

Pin It

Angra do Heroísmo