Os números da pandemia causada pelo novo coronavírus em Portugal permitem o governo começar a fazer o desconfinamento e abrir novamente a economia. Mas isso não será feito de forma abrupta, até porque ninguém quer que a epidemia se agrave.

O primeiro-ministro vai anunciar amanhã as três fases do desconfinamento, mas a SIC antecipou algumas das medidas já esta quarta-feira.

Assim, a começar já na próxima segunda-feira, está prevista a abertura de espaços até 200 m2, pequeno comércio, preferencialmente com porta virada para a rua, cabeleireiros, barbeiros, stands de automóveis, conservatórias e serviços de atendimento ao público não concentrados.

Serão também reabertas livrarias, bibliotecas e arquivos. Os autocarros terão uma cabina para o motorista, de forma a isolá-lo, estando previsto um reforço de autocarros na linha de Sintra.

As atividades desportivas individuais ao ar livre, como por exemplo ténis e golfe, poderão voltar a ser praticadas.

Segunda fase

Se tudo correr bem, a segunda fase arranca a 18 de maio. Aí serão abertos espaços até 400 m2, restaurantes, museus, cafés, esplanadas e similares, bem como palácios e creches. Numa numa primeira fase, os pais podem optar por continuar com as crianças em casa e manter o apoio à família.

Começam as aulas presenciais para 11.º e 12.º anos e as autarquias podem decidir pontualmente a abertura de outros estabelecimentos. Por exemplo, se um espaço tiver mais de 400 m2 mas não concentrar muita gente, a autarquia pode mandar abrir.

Terceira fase

A terceira fase arranca a 1 de junho e é aqui que pode voltar o futebol. Abrem os espaços com mais de 400 m2, creches (acaba o apoio à família), pré-escola e ATL, bem como as lojas, Lojas do Cidadão, centros comerciais, cinemas e teatros com lotação restringida.

Recomeçam as provas desportivas em recinto aberto mas sem público, bem como os desportos coletivos.

Tudo isto pode sofrer um volte-face a qualquer instante caso os números da epidemia em Portugal sofram um agravamento.

Será obrigatório o uso de máscara em locais públicos.

Pin It

Angra do Heroísmo