O conselho autárquico de Quelimane distribuiu este sábado um total de 200 coletes, máscaras e luvas a igual número de taxistas de bicicletas. A medida visa mitigar a propagação da COVID-19. Ao todo circulam em Quelimane diariamente um total de cinco mil taxistas.

O edil Manuel de Araújo diz que a distribuição vai ser gradual para abranger todos os taxistas de bicicletas e de motorizadas.

“Mas aquele que não receber máscara, luva e colete nesta fase, deverá se preocupar em mandar fazer máscara de pano para se prevenir”, disse o edil adiantando que quem não tiver pelo menos máscara, está proibido de desenvolver a actividade, e para isto a polícia Municipal vai fiscalizar.

Em caso do país avançar para nível 4 como forma de combater o novo Coronavírus, Manuel de Araújo tem disponível cinco milhões de meticais para financiar projectos alternativos de subsistência daquele grupo social.

“Nós estamos a pensar naquilo que pode ser alternativa para os taxistas em caso de o país avançar para o nível quatro. O gabinete de redução a pobreza estará aberto para que estes acedam mediante projectos, fundos disponíveis”, assegurou.

Pin It

Angra do Heroísmo