Número de deslocados internos em Cabo Delgado aumentou em cerca 2000 por cento em dois anos.

O Centro de Integridade Pública (CIP) alerta que o conflito armado em Cabo Delgado provocou já a pior crise humanitária na história de Moçambique e avisa que a mesma tende a agravar-se sobretudo na cidade de Pemba, que já não tem espaço para acolher mais deslocados de guerra.

Borges Nhamire, investigador do CIP, que está a fazer uma análise sobre a situação da violência armada no norte do país, sublinha que é “a pior crise humanitária da história de Moçambique causada por actividades humanas, depois da guerra civil e que o número de deslocados internos aumentou em aproximadamente dois mil por cento, num período de dois anos".

Milhares de deslocados de guerra chegam à costa de Pemba sem nada além de esperança

 

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Startups

Economia

Outras Notícias

Mundo

Saúde

Sociedade

Motores

Motores

Tecnologia

Podcast