Produzido especificamente para as temporadas de 1954 e 1955, o W196 ostentava um corpo elegante e velocidades impressionantes, tendo vencido 9 das 12 corridas.

Apresentava um motor de 1.493 cc acionado por um tanque de combustível de 2,5 litros.

A aparência e a velocidade do modelo foram complementadas por uma faixa de potência de 250 bhp a 300 bhp, o que ainda é impressionante comparado aos modelos modernos da Mercedes-Benz.

Em 2013, um raro W196 pilotado pelo lendário piloto de Fórmula 1, Juan Manuel Fangio, foi vendido por 17,5 milhões de libras (cerca de 22,7 milhões de dólares) no que se diz ser um recorde para um automóvel vendido em leilão.

Pin It

Angra do Heroísmo

Ilha Terceira

Notícias Regionais

Economia

Startups

Outras Notícias

Saúde

Sociedade

Tecnologia