A Secretária Regional da Saúde destacou, nos Fenais da Ajuda, em São Miguel, a importância do empreendedorismo como instrumento de inclusão social, apontando como objetivo que as pessoas sejam autossuficientes.

“O que pretendemos é que as pessoas sejam autónomas, consigam aprender e ser autossuficientes”, afirmou Teresa Machado Luciano, que falava na Feira Gastronómica e do Brincar, durante a qual decorreu a apresentação do Plano de Ação do Polo de Desenvolvimento e Coesão Social desta freguesia.

Neste convívio, muito participado pela população, a Secretária Regional salientou a relevância do empreendedorismo e da criação e promoção de produtos e da gastronomia local, como a batata doce.

A Feira Gastronómica e do Brincar, que decorreu na Casa do Povo dos Fenais da Ajuda, incluiu um concurso de doces e salgados, uma mostra de artesanato, animação para crianças e momentos musicais.

O Plano de Ação do Polo de Desenvolvimento e Coesão Social dos Fenais da Ajuda, que se integra na Estratégia Regional de Combate à Pobreza e à Exclusão Social 2018-2028, resulta de um exaustivo trabalho de diagnóstico e auscultação dos agentes dos vários setores e de consulta pública.

Este Plano é desenvolvido pelos três departamentos governamentais diretamente envolvidos – Solidariedade Social, Educação e Cultura e Saúde –, estruturas do poder local e organizações da sociedade civil.

Foram definidos cinco territórios de intervenção prioritária, correspondentes às freguesias de Água de Pau, concelho da Lagoa, Arrifes, concelho de Ponta De

Pin It

Angra do Heroísmo

Notícias Regionais

Ilha Terceira

Economia

Startups

Outras Notícias

Mundo

Cultura

Saúde

Sociedade

Motores

Motores

Tecnologia