Tibério Dinis destaca “credibilização notável” do ensino profissional desenvolvido ao longo dos anos

O Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Tibério Dinis, realçou, esta sexta-feira, “o papel de credibilização notável” que a Escola Profissional da Praia da Vitória conferiu ao ensino técnico-

profissional nos Açores, não só ao nível da formação de jovens, mas, também, ao nível da formação de ativos.
Discursando na cerimónia comemorativa dos 25 anos da Escola Profissional praiense, o Autarca reconheceu e elogiou o “percurso desenvolvido de combate ao insucesso escolar”, referindo que aquela unidade educativa “é hoje um farol para muitos projetos educativos nesta Região, neste País e também na Europa”.

Agradecendo a todos os formandos e profissionais da Escola Profissional ao longo dos últimos 25 anos, Tibério Dinis sublinhou a importância da efeméride “para a Cidade, para o Concelho, para a ilha Terceira e até para os Açores”, uma vez que, considera, “a marca Escola Profissional da Praia da Vitória vai muito para além das nossas limitações geográficas, pois muitos foram os alunos de outras ilhas e concelhos que, aqui, procuram e buscaram uma luz para o seu futuro”.

“Nos últimos 25 anos por aqui passaram mais de 2300 alunos e, portanto, este é um percurso de sucesso do ensino profissional na ilha Terceira e nos Açores e é também um percurso que trouxe sucesso a muitos jovens e a muitas famílias. O que hoje celebramos, mais do que a história, mais do que o percurso e mais do que aquilo que fisicamente se construiu, é o facto de existirem centenas e centenas de homens e mulheres que desenvolverem aqui o seu percurso académico e que têm hoje a sua atividade profissional e, assim, também, garantem rendimento às suas famílias”, afirmou.

Para o Presidente do Município, a história fala por si, pelo que, salientou, “com toda a sinceridade e frontalidade este foi dos projetos mais felizes que, em quase 40 anos de Cidade, a Praia da Vitória desenvolveu, aliás, é dos projetos mais felizes desenvolvidos no âmbito do poder local democrático na Praia da Vitória”.

Repensar financiamento e aumentar oferta educativa

Tibério Dinis afirmou, por outro lado, que “é urgente repensar-se o modelo de financiamento do ensino profissional”, considerando ser esta “a altura certa”, uma vez que “no dealbar do próximo ano chega um novo quadro comunitário de apoio e este novo envelope financeiro tem que dar respostas àqueles que são os desafios emergentes do ensino profissional nos Açores”. Para tal, disse, na presença de muitos convidados (desde profissionais e alunos da Escola, até empresários e o Secretário Regional da Educação e Cultura), “basta para tal ouvir os dirigentes das escolas profissionais dos Açores, perceber as suas dificuldades e os desafios que se colocam a cada uma delas”.

Outro desafio apontado pelo Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, prende-se com a necessidade de se verificar “um reforço desta oferta educativa”, sublinhando que tal necessidade “não se prende a questões financeiras, mas, essencialmente, porque precisamos dar cada vez maior oferta aos jovens para o seu percurso académico e futuro profissional”.

Aliás, frisou, “basta olhar para a história desta escola profissional e para a história desta tipologia de ensino nos Açores para se verificar que sempre que se abre mais oferta educativa, aparecem mais alunos, alcança-se mais sucesso, obtém-se melhores resultados, o que nos garante melhores profissionais e melhor competitividade da nossa economia”.

Por tudo isso, Tibério Dinis não tem dúvidas em afirmar que “a credibilização que a Escola Profissional da Praia da Vitória deu ao ensino profissional é notável, pois a forma como o este tipo de ensino se posiciona hoje, com uma oferta educativa de valor para qualquer jovem e para qualquer adulto, no âmbito da formação de ativos, é fundamental para termos uma sociedade com cada vez mais nível de escolaridade e, sobretudo, com mais capacitação e com mais competências”.

Na sua intervenção, Tibério Dinis deixou uma palavra de reconhecimento especial a Domingos Borges que, disse, “é indissociável deste projeto, que liderou desde o princípio, e que, 25 anos depois, aqui está, pronto para as lutas que aí vem no futuro”.

Centro de Estudos Municipal

Por fim, o edil enalteceu ainda a forma como a Escola Profissional da Praia da Vitória “sempre tem estado disponível para abraçar novos desafios”, lembrando a sua posição de responsável pela realização das

Feiras de Gastronomia do Atlântico, no âmbito das Festas da Praia, mas que de outros projetos que a Autarquia tem vindo a lançar, como o novo Centro de Estudos Municipal.

Esta é uma nova valência municipal que visa prestar apoio aos alunos da Praia da Vitória com maiores dificuldades ao nível da aprendizagem das disciplinas de português e matemática, compromisso assumido no âmbito das comemorações do aniversário de elevação da Praia da Vitória a Cidade, pelo Presidente do Município, quando revelou as linhas gerais da designada “Agenda para a Educação do Futuro”.

“O Centro de Estudos Municipais resulta de um compromisso assumido com os munícipes e de uma parceria com a Escola Profissional da Praia da Vitória, disponibilizando uma nova valência educativa no Concelho, aliás, inédita e única nos Açores, que permitirá aos alunos que estejam a frequentar o ensino secundário acederem a explicações gratuitas nas disciplinas de português e matemática”, explica Tibério Dinis.

O Centro de Estudos Municipal funcionará como um centro de explicações integrado na Fundação de Ensino Profissional da Praia da Vitória.

 

Pin It

Angra do Heroísmo

Notícias Regionais

Ilha Terceira

Economia

Startups

Outras Notícias

Mundo

Motores

Motores