Município Praia da Vitória como  “dinamizador da excelência educativa”

O Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Tibério Dinis, afirma que o Município “quer ser dinamizador da excelência educativa” do Concelho, anunciando, “para breve”, a criação de um centro de estudos e alterações no regulamento municipal de atribuição de bolsas de estudo a alunos que ingressem no ensino superior.
Discursando na cerimónia de reconhecimento do mérito dos alunos da Escola Secundária Vitorino Nemésio, no Auditório do Ramo Grande, na noite desta terça-feira, o autarca destacou “o orgulho” que os alunos homenageados representam “para toda a comunidade educativa da Praia da Vitória”, assumindo que, perante a qualidade dos resultados escolares obtidos, a Câmara Municipal “só pode continuar a trabalhar para melhorar as respostas públicas que promovam a melhoria constante dos resultados escolares”.
Neste sentido, Tibério Dinis revelou que “em breve” será disponibilizado “o Centro de Estudos da Praia da Vitória”, que funcionará em parceria com a Escola Profissional da Praia da Vitória, disponibilizando explicações gratuitas a alunos do 12.º ano de escolaridade nas disciplinas de português e matemática.
“A Câmara Municipal da Praia da Vitória quer ser dinamizadora desta excelência e, por isso, vamos avançar com esse centro de explicações de português e matemática, para que possamos ter, cada dez mais, melhores resultados nos exames nacionais. Depois, este centro de estudo, que é gratuito, tratando-se de um serviço assumido pela Câmara Municipal, vai ser alargado, conforme as necessidades identificadas”, disse.

Bolsas de estudo  ensino superior

Para além desta medida, que integra a “Agenda para a Educação do Futuro”, apresentada pelo Presidente do Município aquando das comemorações dos 38 anos de elevação da Vila da Praia a Cidade, em junho passado, Tibério Dinis anunciou ainda uma revisão do regulamento municipal de atribuição de bolsas de estudo a alunos que ingressem no ensino superior.
“Está a ser revisto o sistema municipal de atribuição de bolsas de estudo. Atualmente a Câmara Municipal da Praia da Vitória atribui cerca de 30 bolsas por ano e temos vindo a reforçar este número. No entanto, queremos alargá-lo de forma substancial e flexibilizar a sua atribuição, desburocratizando o mecanismo de candidatura”, especificou.
Mérito é mais-valia
para o Concelho

Para o edil praiense “estes apoios públicos são fundamentais para o futuro da Praia da Vitória, pois uma sociedade melhor formada e mais qualificada é uma mais-valia, para cada aluno, para cada família, é uma mais-valia para o Concelho”.
“Hoje estamos perante a distinção dos alunos de mérito e excelência, resultado de um ano de enorme trabalho por parte de todos os que vão ser premiados, fruto da exigência a que foram sujeitos e da exigência que cada um se autoimpôs, mas o mérito, a dedicação, o esforço e o trabalho que tiveram durante este ano devem ser mantidos nos próximos anos”, referiu.
Tibério Dinis exortou ainda todos os alunos premiados para “serem porta-vozes e líderes de uma mudança no contexto escolar”, no sentido de “não deixarem ninguém para trás e de puxarem pelos vossos colegas, para que, a cada ano que passa, tenhamos melhores resultados e outros alunos a subirem a estes palcos”.

 

Pin It

Angra do Heroísmo

Notícias Regionais

Ilha Terceira

Economia

Startups

Outras Notícias

Mundo

Cultura

Saúde

Sociedade

Motores

Tecnologia

Música

Desporto

Podcast